História

Abolição da escravidão: onde começou e terminou

A escravatura está presente desde os primórdios, onde negros foram escravizados em diversos países, até a abolição da escravidão.

Continue lendo após a publicidade

A escravização era comum no mundo todo até chegar a abolição da escravidão. Mas afinal, o que foi a escravatura?

O escravismo é apontado como um regime de trabalho forçado. Sendo assim, os escravos realizavam serviços de forma obrigatória e não recebiam qualquer espécie de remuneração.

Ou seja, eram sujeitos a uma opressão executada por alguém mais forte hierarquicamente. Além disso, poderiam ser comercializados ou trocados como se fossem um tipo de objeto.

Essa situação existe desde os primórdios e perdura até os dias de hoje. No entanto, os casos flagrados atualmente são, certamente, de forma ilegal.

Continue lendo após a publicidade

Origem da escravidão

Pinterest

Historiadores apontam que a escravidão começou por meio de batalhas entre guerreiros.

Os vencedores dos conflitos forçavam os perdedores a trabalhar para eles. Esse método percorreu por vários povos como japoneses, hebreus, maias, chineses, egípcios, romanos, gregos e entre outros lugares.

Abolição da Escravidão na Grécia Antiga

História Vest

Na Grécia, assim como mencionado anteriormente, os povos eram vencidos em batalha. No entanto, havia também pessoas que se ofereciam para ser escravas para quitar dívidas.

Os trabalhos eram constituídos por serviços agrícolas. E também de mineração. Sendo assim, os escravos executavam através de força bruta. Historiadores consideravam como uma das piores atividades.

Continue lendo após a publicidade

Além disso, havia também as atividades domésticas. Nesse trabalho, as condições de vida eram boas e em alguns casos os escravos conseguiam comprar a liberdade. Mas vale lembrar que essas pessoas, estrangeiros e mulheres não eram vistos como cidadãos.

Foi no início do século VI a.C, que Sólon, o governador de Atenas, decretou a abolição da escravidão. Um dos primeiros a libertar pessoas da escravidão.

Abolição da escravatura na Itália

Mangozeen

A divisão do povo em Roma era feita em três categorias. Sendo assim, os patrícios eram os mais importantes na hierarquia.

Em seguida, vinham os plebeus, que realizavam trabalhos no campo, pequenas vendas em comércios ou eram artesãos. E por último, os escravos. Além dos trabalhos braçais, eles também treinavam para serem gladiadores, bobos da corte, músicos e escribas.

Continue lendo após a publicidade

A função dos gladiadores era unicamente a de entreter os romanos. Ou seja, tinham que lutar uns contra os outros até a morte. E às vezes enfrentar animais selvagens em arenas.

Um desses gladiadores foi o famoso Espártaco. Ele tentou acabar com a escravidão após formar um exército e lutar pelo fim da escravatura. Contudo, dois anos depois, o exército romano matou todos os escravos.

Foi no ano de 326 a.C que foi decretada a abolição da servidão com a Lex Poetelia Papiria. Quando os servos foram livres. Eles tinham funções domésticas. No entanto, os donos não podiam vendê-los. Diferente dos escravos.

Abolição da escravidão no Brasil

abolição da escravidão
Aventuras na História

A escravidão no Brasil se deu após a chegada dos portugueses em 1500. Eles se aproximaram dos índios e acabaram os escravizando entre 1540 e 1570.

Continue lendo após a publicidade

Os portugueses obrigaram o povo indígena a trabalhar principalmente na extração do pau-brasil. Devido ao número de doenças que os índios contraiam dos portugueses, eles acabavam morrendo.

Além disso, sempre se rebelavam e tentavam escapar. Sendo assim, traziam mão de obra barata para o Brasil através de um navio negreiro.

Os escravos realizavam os mais variados tipos de trabalhos. Por exemplo, construções, plantações e colheitas, na mineração e também em trabalhos domésticos.

As condições de vida dessas pessoas eram as piores possíveis. Prova disso, era que o tempo de vida estimado de um escravo era de cerca de 10 anos. A propósito, eles eram frequentemente castigados.

Continue lendo após a publicidade

Vários escravos fugiram e se juntaram. O grupo ficou conhecido como Quilombo dos Palmares. O líder era o Zumbi dos Palmares, o qual realizou diversos movimentos rebeldes na luta contra a escravidão.

Com isso, em 1888, a Princesa Isabel assinou a abolição, sancionada com a Lei Áurea.

O último lugar a abolir a escravidão

Abolição da escravidão
Observatório do terceiro setor

A Mauritânia, na África, foi o último País a abolir a escravidão. Isso aconteceu só em 1981. Há apenas 39 anos. Além disso, a escravidão se tornou crime na Mauritânia só em 2007. E até em 2012, apenas uma condenação por escravismo tinha acontecido no País.

Então, o que achou da matéria? Se gostou, confira também: Segundo Reinado: o que foi o e o que significou para as províncias

Continue lendo após a publicidade

Fontes: Toda Matéria,Info Escola, R7, Observatório do terceiro setor

Imagens: História Vest, Aventuras na História, Pinterest, Mangozeen, Negro Belchior

Próxima página »

Comentários

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments