História

Arte Barroca: resumo, características e impacto no Brasil

Arte Barroca é o estilo artístico que teve início em meados do século XVII, na Itália, espalhando-se por outros países Europeus e na América.

Continue lendo após a publicidade

A Arte Barroca surgiu em meados do século XVII no Ocidente. Primeiramente, foi desenvolvida na Itália e logo espalhou-se por outros países da Europa. Ademais, tinha como principal caraterística temas religiosos. Além disso, foi responsável por revolucionar os pensamentos sobre arte naquela época.

Em suma, possuía grande riqueza nos detalhes e uma elegância considerada exagerada. Em seguida, no Brasil, a Arte Barroca surgiu como resultado da chegada dos colonizadores portugueses e espanhóis ao país. Dessa forma, a arte desenvolvida naquela época contava com grandes influências do momento histórico.

Ademais, era comum que as obras barrocas retratassem, além de temas religiosos, aspectos da Contrarreforma, além do cenário colonial da época. Portanto, o barroco foi um estilo artístico que levava em consideração características políticas, sociais e culturais dos lugares em que se desenvolveu.

Características desse estilo artístico

A arte barraca foi desenvolvida tanto na pintura, quanto na escultura e arquitetura. Eram formas de arte que prezavam pelos aspectos religiosos. Além disso, tinham o intuito de retratar cenas do cotidiano. Dessa forma, mostravam cenas em conjunto, prezando pela harmonia nesse sentido.

Continue lendo após a publicidade
Arte Barroca - Características, vertentes do Barroco e principais obras
Representação da arte barroca. Fonte: Se liga artista

Isso porque, houve a transição das obras que representavam apenas retratos. Dessa forma, o barroco veio com o intuito de promover a liberação do espaço. Por conta disso, obrigações com as formas geométricas, o simetrismo presente em obras do passado, já não existiam mais.

Assim, o barroco queria expor os traços da libertação artística levando em consideração os sentidos psicológicos. Ou seja, foi um período em que a arte não estava mais concentrada nas ordens da Igreja. Assim, quem ditava as regras do movimento era a aristocracia.

Visto isso, algumas características eram comuns para a Arte Barroca da época:

  • Primeiramente, o domínio da razão sobre a emoção;
  • Além disso, a riqueza nos detalhes e formas era um destaque;
  • Como resultado disso, expressões dramáticas das personagens foram magistralmente retratadas;
  • Preferência pelas curvas e contornos ao invés de usar figuras geométricas;
  • Importância da iluminação e o jogo de luzes e sombras;
  • Presença de contrastes que eram utilizados como forma de evidenciar a proximidade do divino com o humano.

Arte Barroca no Brasil

Pesquisadores acreditam que a arte no Brasil tenha se iniciado com o período barroco. Isso porque, as primeiras expressões de arte de cunho nacional são datadas do século XVIII, quando o barroco teve seu ápice no país. Devido à época, e o período que durou (até o século XIX), as obras barrocas brasileiras possuem grandes características do período colonial.

Continue lendo após a publicidade
Mosteiro de São Bento Rio de Janeiro. Fonte: Projeto Humanarte

Por conta da forte presença da Igreja e do catolicismo, o tema religioso era o que mais estava presente nas obras. Além disso, em relação à arquitetura, é possível perceber que a arte barroca estava presente na construções de Igrejas e outros monumentos, como câmaras municipais, penitenciárias e residências.

Dentre os artistas mais reconhecidos do período barroco está o escultor Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho (1730-1814). O escultor foi o maior nome da arte barroca no Brasil e suas obras eram reconhecidas pelo uso das cores e as cenas retratadas de forma simples e dinâmica.

Vertentes do Barroco no Brasil

Após chegar no Brasil, a arte barroca desenvolveu-se de duas maneiras. Ou seja, era possível encontrar as obras desenvolvidas de maneira mais sofisticada e as obras mais simples. Porém, todas tinham características do período barroco.

Assim, a forma mais requintada do barroco foi desenvolvida nos estados como Minas Gerais, Rio de Janeiro, Pernambuco e Bahia. Isso porque, nesses estados a produção açucareira e a mineração moviam o setor econômico.

Continue lendo após a publicidade
Arte Barroca - Características, vertentes do Barroco e principais obras
Os Doze Profetas, obra de Aleijadinho na Basílica de Bom Jesus de Matosinhos, Congonhas do Campo, Minas Gerais. Fonte: Arte da Drika

Nesse sentido, as obras arquitetônicas, por exemplo, possuíam maiores recursos para serem construídas. Por conta disso, era comum encontrar Igrejas feitas com madeira e cobertas com camadas de ouro.

Por outro lado, nas cidades onde a economia não era abastecida com a produção de açúcar, as obras barrocas eram feitas de forma mais simples. Dessa forma, eram construções elaboradas de forma modesta, por escultores mais simples e menos experientes.

Arte Barroca e as produções

Atualmente, dentre os locais que mais se destacam pela presença da arte barroca estão as cidade de Ouro Preto, em Minas Gerais e Salvador, na Bahia. Isso porque, em Minas existia grande quantidade de ouro, fato relevante para a construção de grandes estruturas ricas. E Salvador foi capital do Brasil até 1763 e por conta disso possui pinturas, esculturas e obras arquitetônicas bastante relevantes.

No mundo, as obras barrocas são mais sofisticadas do que no Brasil, principalmente na Itália. Dentre os artistas que mais se destacam está o criador da arte barroca, Gian Lorenzo Bernini (1598-1680). Além de pintor, era também arquiteto, urbanista, escultor e decorador.

Continue lendo após a publicidade
Pintura a óleo sobre tela de Rembrandt, pintada em 1632. Fonte: Se liga Artista

Na pintura, os artistas que mais se destacaram foram: Tintoretto (1515-1549), Andrea Pozzo (1642-1709), Michelangelo Caravaggio (1571-1610) e Annibale Carraci (1560-1609).

Um das características da arte barroca pelo mundo é o fato de adaptar-se ao local em que estava se desenvolvendo. Assim, após sair da Europa e espalhar-se por outros países, a arte foi tomando novas formas e contornos. Exemplo disso foram as decorações exuberantes em edifícios religiosos na Espanha.

Nos Países Baixos, artistas como Rubens (1577-1640), Frans Hals (1581-1666), Rembrandt (1606-1669) e Vermeer (1632-1675) tiveram grande destaque. Dentre os aspectos trabalhados, principalmente por, Rembrandt, estavam a luz e as sombras nas composições artísticas. Por conta disso, o estilo desenvolvido ficou conhecido como luminista.

Pintura e Escultura Barroca

A pintura e escultura barroca possuem elementos religiosos. Exemplo disso, são os tetos de igrejas que foram pintados no estilo barroco, além das esculturas que utilizam como material o barro cozido, o cedro e a pedra-sabão.

Continue lendo após a publicidade

Na pintura, uma das características que mais se destacam é a utilização da luz e sombra para dar destaque nas figuras mais importantes da obra. Assim, era uma técnica utilizada para direcionar a atenção para aspectos importantes da obra.

Arte Barroca - Características, vertentes do Barroco e principais obras
Santa Ceia, Manuel da Costa Ataíde (Mestre Ataíde), 1828. Fonte: Citaliarestauro

Além disso, as obras – tanto na pintura, quanto na escultura – possuem como elemento principal a realidade e o cotidiano. Assim, eram obras que retratavam expressões dramáticas das figuras religiosas.

No Brasil, os nome que mais destacou-se na pintura foi Manuel da Costa Ataíde (1762-1830), enquanto que na escultura, os trabalhos de Aleijadinho representaram um período importante na arte barroca.

Arquitetura Barroca

A arquitetura barroca no Brasil ficou marcada pelas construções grandiosas das igrejas católicas. Isso porque, o país passava pelo período da Contrarreforma e os projetos arquitetônicos eram uma forma de reafirmar o poder da religião naquela época.

Continue lendo após a publicidade
Igreja de São Francisco de Assis, obra de Aleijadinho. Fonte: Ouro Preto

Por fim, dentre as obras que mais se destacam está a Igreja de São Francisco de Assis, obra de Aleijadinho. Além disso, outro artista, Manuel da Costa Ataíde, teve participação na construção deixando como marca registrada a pintura barraca. Para a construção dessa igreja foram necessários 18 anos, tendo iniciado as obras em 1776 e terminado em 1794.

Principais artistas do movimento

Dentre os principais artistas que se destacaram na arte barroca no Brasil, estão:

  • Agostinho de Jesus – Escultor
  • Aleijadinho (Antônio Francisco Lisboa) – Escultor
  • Bento Teixeira – Poeta
  • Eusébio de Matos e Guerra – Pintor
  • Francisco das Chagas – Escultor
  • Gregório de Matos – Poeta
  • Jesuíno do Monte Carmelo – Pintor, Arquiteto e Escultor
  • José Joaquim da Rocha – Pintor
  • José Teófilo de Jesus – Pintor
  • Manuel de Jesus Pinto – Pintor
  • Mestre Ataíde – Pintor

E então, o que achou da matéria? Se gostou, corre e confere o que foi a Semana de Arte Moderna e como é caracterizado o Dadaísmo.

Fontes: Toda Matéria, História das artes, Brasil Escola e Cola Web 

Continue lendo após a publicidade

Bibliografia:

  • AIDAR, Laura. Arte barroca. [20–]. Disponível em: https://www.todamateria.com.br/arte-barroca/. Acesso em: 7 abr. 2020.
  • IMBROISI, Margaret; MARTINS, Simone. Barroco. História das Artes, 2021. Disponível em: <https://www.historiadasartes.com/nomundo/arte-barroca/barroco/>. Acesso em: 7 abr. 2020.
  • SOUSA, Rainer Gonçalves. “Arte barroca”; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/historiag/barroco.htm. Acesso em: 7 abr. 2020.

Fonte imagem destaque: Filarmônica Art 

Próxima página »

Comentários

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments