Física & Química

Ebulição, o que é? Conceito, principais características e exemplos

A ebulição é uma transformação do estado da matéria, ou seja, é o processo de transição de uma substância do estado líquido para o gasoso.

Continue lendo após a publicidade

A mudança do estado líquido para o estado gasoso é chamado de ebulição. Ela acontece quando um determinado liquido, com uma pressão, recebe calor latente até uma certa temperatura.

Durante a mudança, é comum o surgimento de bolhas na superfície, pois a pressão do vapor da água é igual a pressão na superfície do liquido. Dessa forma, é o processo oposto do que acontece na condensação.

A princípio, o calor em contato com a substância gera um aumento de energia que faz com que as moléculas vibrem e a distância entre elas aumente. Sendo assim, a massa diminui e ocorre a liberação do líquido para o gasoso, o que chamamos de ebulição.

É importante ressaltar que o calor que uma substância deve receber para que consiga transformar o seu estado físico pela vaporização depende de cada substância.

Continue lendo após a publicidade

Nesse sentido, o calor que o corpo tem que receber é variável. Entretanto, ao chegar a temperatura adequada para a ebulição, ela permanece constante mesmo que receba mais calor.

Características e exemplos

Em suma, é importante saber que, para que ocorra a ebulição, a pressão deve se manter constante e a temperatura do ponto de ebulição também.

Além disso, o calor definido por unidade de massa, que é preciso para que o liquido se transforme em vapor, é denominado calor latente de vaporização.

Exemplos de transformação
Gêiser – fonte termal que ocorre erupções que expulsam ar quente

Bem como, vale lembrar que quanto menor a pressão, menor é o ponto de ebulição. Dessa forma, em lugares com altitude mais elevada, o alimento pode demorar mais a cozinhar, caso não esteja em uma panela de pressão.

Continue lendo após a publicidade

Por último, o valor da água é formado por moléculas de água que não são visíveis a olho nu, porém, ao perderem o calor no ar, se condensam e formam pequenas gotículas em estado líquido.

Entre os exemplos de ebulição pode-se citar os gêiseres, pois a água subterrânea das regiões vulcânicas é aquecida pelo magma até chegar a temperatura necessária para a mudança de estado físico.

Nesse mesmo sentido, pode-se exemplificar a água no forno, que, ao ferver, começa a liberar a água pela forma gasosa assim que atinge a temperatura necessária.

Conceitos importantes

O ponto de ebulição das substâncias é variável e é definido em laboratório. Todavia, de acordo com a União Internacional de Química Pura e Aplicada (IUPAC), ele pode ser definido como a temperatura que a pressão do vapor liquido se transforma na mesma quantidade que a pressão atmosférica.

Continue lendo após a publicidade
Ebulição, o que é? Conceito, principais características e exemplos
O ponto de ebulição varia em cada elemento químico e a temperatura durante o processo fica constante

Como visto anteriormente, a altitude causa influencia no ponto de ebulição. Sendo assim, uma mesma substância pode alterar o seu ponto dependendo da altitude em que se encontra.

Em síntese, a lista é bem extensa, mas os elementos químicos Hélio (He) e o Tungstênio (W) são os que possuem menor e maior ponto de ebulição, respectivamente.

Já o calor latente, uma parte essencial no processo de ebulição, é a quantidade de calor que o líquido recebe para que seja possível a mudança de estado. Contudo, o calor também é variável. Para conseguir calcular o valor do calor latente de vaporização usa-se a fórmula Q = m.L.

Logo, a quantidade de calor (Q) é igual a massa (m) vezes o calor latente (L) da substância.

Continue lendo após a publicidade

Ebulição, Evaporação ou Calefação?

Existem diversos processos que transformam o estado da matéria. Pode-se citar Fusão, Condensação, Solidificação, Sublimação e Vaporização.

Nesse interim, a ebulição se enquadra dentro da vaporização. Além dela, outros dois processos também são responsáveis pela mudança do estado líquido para o gasoso, sendo eles: a evaporação e a calefação.

Evaporação
Exemplo de Evaporação

Como já visto, o processo de ebulição acontece em uma temperatura determinada, sendo mais rápido e perceptível de ver a transformação.

Por outro lado, a evaporação é quando a transformação se dá em temperatura ambiente e de forma lenta. Sendo assim, um clássico exemplo é a água dos rios que evaporam ou as roupas no varal que secam.

Continue lendo após a publicidade

Por último, a calefação é a mais veloz de todas, quase que instantâneo. Nesse processo, uma superfície muito quente tem contato com o líquido e o transforma rapidamente no estado gasoso.

Logo, como exemplo, temos o ferro de passar roupa, o qual é usado extremamente quente e a água que é colocada nele se transforma em vapor.

Gostou? Então que tal ler agora Diagrama de fases, o que é? Definição, características e estados físicos

Fontes: Educa Mais Brasil, Toda Matéria e Mundo Educação

Continue lendo após a publicidade

Imagens: Folha MS, Itinari, Quero Bolsa, Info Escola

Próxima página »

Comentários

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments