Guerra dos Emboabas: o sangrento conflito pela disputa do ouro mineiro

Guerra dos Emboabas: conflito que regulamentou a exploração de ouro, criou as capitanias de São Paulo e Minas Gerais e ainda descobriu o ouro de Goiás.

A Guerra dos Emboabas foi um conflito armado que se deu na região das Minas Gerais entre os anos de 1707 e 1709. Envolveu os bandeirantes paulistas e os emboabas (portugueses e imigrantes de outras regiões do Brasil).

O confronto teve como motivo principal a disputa pela exploração das minas de ouro recém-descobertas na região das Minas Gerais. Os paulistas tencionavam explorá-las com exclusividade, pois diziam que tinham descoberto as minas.

O contexto histórico do conflito

A descoberta de ouro na região de Minas Gerais (século XVII) atraiu dezenas de milhares de pessoas. Mas aquela região era parte da Capitania de São Vicente, dominada pelos bandeirantes paulistas, que não queriam dividir o ouro.

Por outro lado, a presença de tanta gente levou a uma crise de abastecimento. Então os comerciantes forasteiros viram ali uma oportunidade de lucro e queriam o monopólio do comércio. Dessa forma, as principais causas do conflito foram o monopólio na exploração das minas de ouro e na comercialização de gêneros de primeira ordem.

Os emboabas então passaram a formar comunidade própria dentro da região. Os paulistas eram chefiados pelo bandeirante Manuel de Borba Gato, guarda-mor das minas, e os emboabas, pelo português Manuel Nunes Viana, um rico comerciante.

Como a situação ficou insustentável, Borba Gato decidiu expulsar os emboabas da região. Mas como os paulistas eram minoria, foram derrotados e expulsos por Viana, indo na direção de Goiás e Mato Grosso, descobrindo novas jazidas. Por fim, também Viana acabou sendo expulso de Minas pelo governador do Rio de Janeiro, após o massacre feito pelos emboabas contra os paulistas no Capão da Traição.

As consequências do conflito

Como principais consequências da Guerra dos Emboabas temos:

  • Regulamentação da distribuição de lavras;
  • Regulamentação da cobrança do quinto;
  • São Paulo e as Minas de Ouro se transformaram em capitanias;
  • São Paulo deixa de ser vila e se torna cidade;
  • Fim das lutas na região das minas;
  • Os paulistas vão para o Centro Oeste e descobrem novas minas de ouro em Mato Grosso e Goiás.

Algumas curiosidades da Guerra dos Emboabas

O palavra emboaba era uma expressão dos índios para designar as aves que tinham penas até os pés. Mas foi também utilizada pelos paulistas para se referir aos estrangeiros que queriam suas terras, pois eles usavam botas.

Na batalha no Capão da Traição, os emboabas mataram mais de 300 paulistas. E no fundo os portugueses buscam mesmo era afirmar seu poder de colonizador sobre os nativos.

Se você achou interessante conhecer a Guerra dos Emboabas, não pode deixar de ler sobre o que aconteceu na Independência do Brasil.

Fonte: História do Brasil, Só História, Toda Matéria, Info Escola, Estudo Prático.

Escolhidas para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.