Biologia

Hermafroditismo: O que é, tipos em seres vivos e como identificar

Existem coisas no mundo que são pouco conhecidas, e o hermafroditismo se encaixa nesse grupo. Em resumo, é uma anomalia sexual

Continue lendo após a publicidade

Existem coisas no mundo que são pouco conhecidas, e o hermafroditismo se encaixa nesse grupo. Em resumo, é uma anomalia sexual. E ela se baseia no distúrbio morfológico e fisiológico das gônadas sexuais do individual.

Por conta dessa anomalia, simultaneamente a estrutura tecidual testicular e ovariana se manifestam. Logo, são chamados de hermafroditas os organismos capazes de produzir tanto gametas masculinos quanto femininos.

Em geral, isso ocorre em plantas e algumas espécies de animais, como alguns anelídeos e platelmintos.

O que é Hermafroditismo

Primordialmente, é classificado como uma anomalia que permite que seja produzido gametas masculinos e femininos. Além disso, é possível dividir em dois grupos: insuficientes e suficientes. Onde no primeiro grupo é observado um fecundação cruzada, o que significa que ocorre uma troca de gametas entre dois indivíduos, apesar de ambos produzirem os dois tipos de células reprodutivas.

Continue lendo após a publicidade

Como exemplo, se te as minhocas. Afinal, nesse tipo de espécie há o acasalamento de dois indivíduos com a troca de espermatozóides e a fecundação de ambos.

Já no caso dos suficientes, se tem organismos que são capazes de realizar uma autofecundação, como é o caso da tênia. Ademais, nesses animais, em cada proglote, é possível se encontrar órgãos sexuais masculinos e femininos. Por isso, é gerado uma certa individualidade reprodutiva para cada uma das estruturas.

hermafrodismo-lesma
Hermafroditismo – Fonte: Educa Lingo

Plantas

Em maioria, nas plantas angiospermas é possível se observar hermafroditismo. A flor possui dois sexos. Aliás, se elas realizam autofecundação são chamadas de autógamas, se caso ela realizar polinização cruzada é chamada de alógamas.

Ainda mais, algumas plantas possuem mecanismos que promovem a alogamia. Sendo essa a maturação da parte feminina e masculina da flor. Porém, isso acontece em momentos diferentes e há estruturas na própria flor que evitam a chegada de pólen ao estigma.

Continue lendo após a publicidade
planta-hermafrodita
A marijuana hermafrodita – Fonte: Semillas-de-Marihuana

Pessoas Hermafroditas

Em pessoas, também podem ocorrer casos00, porém, essas ocorrências não se relacionam com estratégias reprodutivas, e sim com casos de mutação genética. Em geral, pode-se classificar em humanos como: pseudo-hermafroditismo feminino, verdadeiro e pseudo-hermafroditismo masculino.

No pseudo-hermafroditismo feminino, há um crescimento exagerado do clítoris, que se apresenta semelhante a um pênis. Já no hermafroditismo verdadeiro, além da presença de ovários e testículos, observa-se a existência, ou não, da genitália masculina e feminina. E por fim, no caso do pseudo-hermafroditismo masculino, observa-se um pênis pouco desenvolvido

Naturalmente, os indivíduos portadores dessa anomalia somente revelam essa condição durante a puberdade, e isso pode desencadear transtornos psicossociais quando descoberto.

masculino-fem
Simbolo hermafrodita – Fonte: Ideias Embalsamadas

Entendeu mais sobre hermafroditismo? Então aproveita e leia sobre

Continue lendo após a publicidade

Fontes: BrasilEscola, SoBiologia, MundoEducação

Fonte da imagem destaque: Amino

Próxima página »

Comentários

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments