O que é aquecimento global? Causas, consequências e efeito estufa

A temperatura anormal do planeta é definido como aquecimento global, visto que esse fenômeno atingiu níveis preocupantes nas últimas décadas.

O aquecimento global tem sido uma das maiores preocupações nos últimos anos. Isto porque, a mudança brusca no clima da atmosfera e nos oceanos aumenta a temperatura média da Terra.

Apesar disso, o efeito estufa tem um papel fundamental de preservar as temperaturas habitáveis para a vida no planeta.

No entanto, a emissão de gases por meio de fenômenos naturais aumentam o desequilíbrio do sistema.

Isto acontece por meio das ações do homem, como desmatamento de florestas, queimadas e lixo nos oceanos. Por outro lado, existem regiões que podem se tornar extremamente frias ou quentes.

Dessa forma, vamos aprender um pouco mais sobre o aquecimento global, as causas, consequência e o processo de efeito estufa. Ademais, os gases intensificam a retenção de energia nos oceanos e na atmosfera, causando o frio ou calor.

O que é aquecimento global?

De modo geral, o aquecimento global diz respeito a temperatura média da Terra, causado pela emissão de gases do efeito estufa. A saber, o período considerado mais quente foi o século XX, visto que o aumento médio ficou em torno de 0,7°C nos últimos 100 anos.

Efeito Estufa
O Sollo

Nesse sentido, acredita-se que o aquecimento global pode provocar temperaturas ainda mais altas no século XXI, segundo o Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC). Por isso, este é um problema ambiental que pode causar graves consequências para a humanidade.

Em contrapartida, existem cientistas que negam a existência do aquecimento global, utilizando a justificativa de que a Terra passa por períodos de esfriamento e aquecimento, considerado por eles como um processo natural.

Lembrando que o aumento da emissão de gases do efeito estufa na atmosfera é resultado de ações humanas. Esse processo começou na Revolução Industrial, mas continua até os dias atuais.

Em síntese, os gases do efeito estufa são o Monóxido de Carbono (CO), Dióxido de Carbono (CO2), Clorofluorcarbonos (CFC), Óxido de Nitrogênio (NxOx), Dióxido de Enxofre (SO2) e Metano (CH4).

Causas do aquecimento global

As queimadas e derrubadas de florestas são as principais causas do efeito estufa no Brasil. Geralmente, a Amazônia e o Cerrado são mais atingidos pelas ações do homem, o que torna o país um dos mais poluidores do mundo.

aquecimento global
Greenpeace

Sobretudo, o Brasil entra como um dos líderes mundiais no combate ao efeitos do aquecimento global. Até porque, o principal desafio do brasileiro é impedir o desmatamento, visto que assim pode-se reduzir a emissão de gases do efeito estufa.

Por isso, separamos algumas causas desse fenômeno mundial:

  • Desmatamento: Quando se destrói as florestas, retirando as árvores, isto aumenta o calor em grandes proporções;
  • Queimadas: Ao queimar a vegetação, os gases de efeito estufa são liberados, como o dióxido de carbono, por exemplo;
  • Indústria: A fumaça das indústrias provocam a emissão de gases poluentes no meio ambiente, ainda mais quando se utiliza combustíveis fósseis;
  • Combustíveis fósseis: Esse componente é usado em automóveis movidos a gasolina e óleo diesel, assim o dióxido de carbono é liberado no ar, causando a retenção de calor.

Mesmo que alguns cientistas classifiquem o aquecimento global como “alarmismo”, é certo que algo está acontecendo no planeta. De qualquer forma, se existe ou não, precisamos preservar o meio ambiente para nossa própria sobrevivência, até porque, o clima não é o único afetado.

Consequências

Como dito anteriormente, o aquecimento global é causado pelas ações humanas. Assim, o planeta é coberto por gases poluentes, impedindo que a radiação solar se espalhe no espaço. Dessa forma, existem as principais alterações que podem acontecer na Terra, como:

Geleiras no Oceano
Enigmas do Universo
  • Modificação na fauna e flora: Os animais e vegetações de regiões específicas (calor ou frio) podem ser atingidos pelo aquecimento global.
  • Aumento do nível do mar: quando grandes massas de gelo derretem na regiões polares, pode haver submersão de cidades litorâneas.
  • Desastres naturais: Esse fenômeno global pode causar inundações, tempestades, furacões e vulcões em erupção;
  • Mudanças climáticas: as temperaturas podem se tornar insuportáveis ao ponto de prejudicar a produção de alimentos e afetar a condição de vida.
  • Extinção de espécies: Os animais estão ameaçados com as mudanças climáticas bruscas, como também os desastres naturais e as ações do homem.

As consequências do aquecimento global são inúmeras, a contar os animais que vivem nas regiões congeladas, como o pinguim, baleia orca e baleia franca. Ainda mais, os pesquisadores acreditam que a extinção do mamute também seja o resultado desse fenômeno.

Por fim, o aquecimento global ainda não é um fato totalmente comprovado, assim também não se pode dizer que não existe. Mesmo assim, precisamos nos preocupar em combater o desmatamento das florestas e a emissão de gases poluentes, porque estes sim são comprovados cientificamente.

O que achou dessa matéria sobre aquecimento global? Se gostou, confira também: Bacias hidrográficas – O que são, principais tipos, divisão e características

Fontes: Ecycle, Toda Matéria, Brasil Escola e Brasil Escola II

Imagens: Fia, O Sollo, Greenpeace e Enigmas do Universo

Escolhidas para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.