Física & Química

O que é energia? Definição, principais formas de energia e características

A energia é a capacidade um corpo realizar uma ação ou um movimento, como a produção de calor, e pode se manifestar de diferentes formas.

Continue lendo após a publicidade

A energia é um termo utilizado em diversas áreas do conhecimento e, apesar de ser usada em contextos diferentes, possui um significado bastante preciso. Basicamente, a energia se refere ao potencial que um corpo tem de realizar um trabalho ou um ação. 

Ou seja, a energia está presente em qualquer coisa que esteja realizando algum trabalho, se aquecendo ou se movendo, por exemplo. Além da Física, onde a energia é estudada no eletromagnetismo, na mecânica, termodinâmica, mecânica quântica, etc, o potencial inato também engloba outras áreas, como a Química

Sendo assim, o potencial energético, como está presente em diversas áreas, se manifesta de formas variadas, como na eletricidade, no movimento dos corpos e no calor. De acordo com o Princípio de Lavoisier, a energia é uma grandeza que não surge do nada e, além disso, não pode ser destruída. 

O ocorre, então, é a transformação do tipo de energia, ou seja, da produção da ação ou do movimento dos corpos. Um exemplo de transformação da energia pode ser visto nas hidrelétricas, onde a queda d’água é convertida em energia elétrica

Continue lendo após a publicidade

Energia renovável e não renovável

A ação energética de um corpo pode ser proveniente de fontes renováveis ou não renováveis. Quando a energia é renovável, significa que, apesar do uso constante, a fonte nunca chegará ao fim.

O que é energia? Definição, principais formas de energia e características
CicloVivo

Ou seja, são fontes energéticas que possuem capacidade de se reproduzir de forma natural. Este tipo de energia também é chamada de limpa, como ocorre com a energia solar e a eólica, aquela oriunda da força dos ventos. 

Já a energia não renovável é proveniente de fontes finitas, ou seja, fontes que, após o uso constante, chegam ao fim. Um exemplo do uso de fontes energéticas não renováveis é a queima de combustíveis fósseis, como o carvão e o petróleo

Além disso, existe também o conceito de energia potencial, que, no caso, é definida como uma energia armazenada. Como exemplo, temos as águas de um rio ou uma pedra no alto de uma montanha.

Continue lendo após a publicidade

No caso da água, quando cai de uma cascata, por exemplo, forma uma ação cinética, ou seja, que possui o potencial de movimentar outros corpos. Assim também como ocorre com a pedra que cai da montanha, que, ao cair, provoca um movimento que impulsiona a ação de outros corpos. 

Principais formas de energia

A energia pode ser utilizada em vários contextos diferentes, principalmente no uso científico. Neste caso, o termo é parte essencial dos estudos físicos, onde é possível entender a formação de calor, o movimento dos corpos, a transformação energética dos movimentos, etc. 

O que é energia? Definição, principais formas de energia e características
Mapfre

Além disso, a ação e ou movimento que proporciona a formação energética de um corpo faz parte de diversos setores da vida. Um exemplo disso é a sobrevivência dos seres humanos, que dependem da energia.

Nesse sentido, as ações e movimentos que geram potencial energético, no caso dos seres humanos, é provocada pela alimentação, por exemplo, determinada como energia química. A ação e movimentos dos corpos também podem ser cinética, potencial, térmica, solar, eólica e nuclear. 

Continue lendo após a publicidade

Energia cinética e potencial

É a forma energética relacionada ao movimento que um corpo possui. Neste caso, a energia cinética é maior quando o corpo atinge maiores velocidades. Para calcular esse tipo de ação, podemos utilizar a fórmula:  Ec = m.v2/2, onde m representa a massa do corpo e v é a velocidade. 

O que é energia? Definição, principais formas de energia e características
Stoodi

Já na energia potencial, também chamada de potencial gravitacional quando houver ação armazenada, ocorre quando a ação energética está contida em um espaço e, por conta disso, possui relação com a superfície e a posição do corpo.

Aqui podemos utilizar, novamente, o exemplo da pedra no alto de uma montanha. Ou seja, quanto mais alto a pedra estiver, maior será a ação/movimento em relação ao solo. Para calcular este tipo de ação, é utilizada a fórmula: Epg = m.g.h. 

Por outro lado, se a ação energética estiver relacionada com o material elástico que se deforma, então é denominada energia potencial elástica. Nesse sentido, devemos utilizar a fórmula: Epe = k.x2 /2. O que muda em relação ao potencial gravitacional, é a deformação do material elástico, causada por uma constante. 

Continue lendo após a publicidade

Térmica e solar

Quando falamos em energia térmica, estamos nos referindo ao calor associado à ação energética cinética de um corpo. Neste caso, o que ocorre é o movimentos das moléculas que compõem determinado elemento. Sendo assim, só há calor quando dois corpos apresentam diferença de temperatura

Já a energia solar é aquela proveniente da luz do sol. Este tipo de ação energética é uma das formas de energia renovável, ou seja, que possui fontes renováveis. Em síntese, a luz do sol pode ser transformada em energia elétrica, por exemplo, por meio do uso de placas fotovoltaicas. 

Química, eólica e nuclear

A energia química é aquela que ocorre por meio de reações químicas, como ocorre na ação energética de baterias e pilhas. Outro exemplo são os seres humanos que, para sobreviver, dependem da alimentação, mais um tipo de energia química. 

Stoodi

Já a eólica é proveniente da força dos ventos, que, assim como a solar, também é um tipo de fonte energética renovável. Além disso, também é uma forma de produzir energia elétrica, por meio de hélices e turbinas. 

Continue lendo após a publicidade

Por último, mas não menos importante, temos a energia nuclear, também chamada de atômica, formada a partir do processo de fissão nuclear. Neste caso, ocorre a divisão do núcleo atômico dentro de grandes reatores nucleares, que liberam grandes quantidades de ação e movimento.

O que achou da matéria? Se gostou, confira também o que são Compostos Inorgânicos e qual a definição de Antimatéria.

Fontes: Brasil Escola, Eletronuclear, Ecycle e Toda Matéria

Imagens: Diferença, CicloVivo, Mapfre, Stoodi e Stoodi 

Continue lendo após a publicidade
Próxima página »

Comentários

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments