Principal » Geografia » O que é Geografia – Conceitos, áreas de estudo e importância

O que é Geografia – Conceitos, áreas de estudo e importância

A Geografia é a ciência responsável pelos estudos das relação que o ser humano possui com o espaço e a transformação do espaço geográfico.

O que é geografia - conceitos, áreas de estudo e importância

A geografia, nada mais é do que a ciência que estuda o espaço geográfico e a relação da sociedade com o meio. Inegavelmente, é no espaço geográfico que acontecem e se desenvolvem as relações humanas. Por esse motivo, a geografia é responsável por analisar a dinâmica dessas relações e as transformações que a sociedade é capaz de fazer no espaço geográfico.

A origem do estudo geográfico ocorreu a Grécia Antiga, quando alguns estudiosos gregos viajam para diversos pontos. Então, passaram a registrar tudo o que viam e ocorriam ao seu redor, principalmente os recursos naturai e aspectos da cultura dos povos.

O estudo do espaço geográfico permite aos seres humanos analisar e entender melhor a organização do espaço. Dessa forma, a sociedade pode compreender melhor os meios de explorar o ambiente sem danos irreversíveis. Então, surgem novas formas de aprimorar as relações socioespaciais. Vale lembrar que a geografia permite uma análise crítica da relação entre sociedade e natureza, além da produção do espaço geográfico.

Objeto de estudo

O que é geografia - conceitos, áreas de estudo e importância
Muraki

Certamente, o espaço sempre esta em contante mudança, principalmente pelas transformações feitas pelo homem. Então, por esse motivo surge a necessidade de uma ciência que estude essas transformações e as relações sócio-espaciais. Dessa forma, surge a geografia, que estuda o espaço geográfico e a relação direta ou indireta que o homem tem com o espaço. Então, faz parte do conhecimento geográfico o estudo de sociedades urbanas e rurais, além do uso de recurso naturais.

Entretanto, é difícil limitar os estudos da geografia, uma vez que é o conhecimento geográfico tem um campo muito amplo. Com isso, acabar relacionando-se com outras ciências do conhecimento.  Além disso, não há uma definição certa do objeto de estudo da geografia. Uma vez que, essa ciência sofreu inúmeras transformações ao longo dos anos. Mas os principais conceitos do conhecimento geográfico são lugar, paisagem, território e região.

O que significa geografia?

A palavra geografia tem o radial ”geo” que significa terra e ”grafia” que significa descrição. Ou seja, o nome faz alusão aos estudos e descrição dos fenômenos que acontecem na terra. Certamente, é uma definição antigas do conhecimento geográfico, uma vez que atualmente o seu campo de estudo é muito mais amplo.

História da geografia

O que é geografia - conceitos, áreas de estudo e importância
sumaré qualifica

Como já sabemos, a geografia tem como berço a Grécia antiga. E um dos principais estudiosos é Heródoto (484-420 a.C), conhecido como “pai da história e da geografia”, sendo um dos primeiros a realizar viagens “científicas”.

A efetivação e reconhecimento do conhecimento geográfico veio apenas no século XIX, na Alemanha. Por conta da Revolução Industrial iniciada na Inglaterra que impulsionou grandes transformações tecnológicas e científicas da época. Esse momento histórico, proporcionou uma situação favorável para o estudo geográfico. Assim, foi formanda na Alemanha, a Escola Geográfica Alemã, denominada também de Escola Determinista.

Um dos geógrafos da escola determinista eram Alexander Von Humboldt, Karl Ritter e Friedrich Ratzel. Eles alegavam que era o meio quem determinava o homem. Deixando de lado alguns fatores e por esse motivo foram chamados de deterministas.

Posteriormente, na França, desenvolve-se uma nova corrente da geografia, a chamada escola francesa ou escola possibilista. Esta alegava que o meio não determina o homem, o que acontecia era uma constante influência do homem sobre a natureza e vice-versa. O grande representante dessa escola é, Vidal De La Blache.

Certamente, essas duas correntes de pensamento apresentadas eram consideradas “Geografia Tradicional”.

Desenvolvimento da geografia

O que é geografia - conceitos, áreas de estudo e importância
UNIFARP

O conhecimento geográfico foi desenvolvido ao longo de anos. E com isso, também foi uma ciência que se modificou muito com o tempo, devidos as mudanças do processo históricos. Durante o período de 1870 á 1950 ficou conhecida como geografia tradicional, onde predominavam os conceitos de região e paisagem. Então, durante esse período da geografia, o espaço e a relação socioespacial não era objeto de estudo.

Mas, nos anos 50, em um cenário de pós-guerra e de avanços tecnológicos, surge a nova geografia. Então, foi aqui que o conceito de espaço ganhou força e passou orientar o pensamento geográfico. Assim, surgiu a chamada geografia crítica, onde os geógrafos deveriam engajar-se politicamente, não desvinculando a produção científica do contexto histórico. A partir disso, o espaço começou a ser visto como o local onde se estabelecem as relações entre a sociedade e o meio.

Nesse mesmo período, surgiram as correntes do conhecimento geográfico conhecidas como humanista e cultural. Estas apresentavam uma nova noção de espaço, aquele espaço vivido, no qual se destacam as experiências vividas e os aspectos subjetivos. Então, o conceito de espaço tornou-se em lugar.

Certamente, lugar representa a subjetividade, as experiências vividas em um cotidiano, a ligação da sociedade com o espaço por meio do simbólico.

Conceitos chaves

O que é geografia - conceitos, áreas de estudo e importância
Mundo geográfico
  • Território: Decerto, território é o espaço apropriado pelas relações de poder. Podendo haver barreiras invisíveis de diferenciação de território, como política, cultura, religião ou barreiras naturais.
  • Lugar: Lugar representa um espaço constituído por relações afetivas de subjetividade. Como por exemplo, a rua onde ficava a sua escola ou a casa onde passou a sua infância
  • Paisagem: Basicamente, é tudo aquilo que o ser humano pode ver, tocar, cheirar, sentir e experimentar. Por exemplo, a paisagem das cidades, do meio rural, das construções, entre outras.
  • Região: É  a regionalização do espaço a partir de um critério que foi estabelecido. Por exemplo, a área de uma cidade conforme a renda média dos habitantes.

Ramos da geografia

O que é geografia - conceitos, áreas de estudo e importância
Stoodi

Certamente, a divisão do conhecimento geográfico em ramos é feita apenas para nortear e facilitar os estudos. Entretanto, as relações entre o meio e a natureza são indissociáveis.

Geografia Geral

Geografia física

Em suma, essa área da geografia é responsável pelos estudos do relevo terrestre, além da intervenção da ação humana sobre ele e dos fenômenos que ocorrem na superfície. Certamente, essa área compreende as quatro divisões: a litosfera (camada rochosa da Terra), a hidrosfera (os cursos d’água), a atmosfera (o clima e seus efeitos) e a biosfera (as vegetações e a distribuição dos seres vivos). Divide-se em:

  • Climatologia: A saber que esse ramo da geografia é responsável por estudar o clima e os padrões de comportamento da atmosfera.
  • Geomorfologia: Em síntese, é o ramo responsável pelo estudo das formas da superfície da Terra, como relevo, dinâmicas da litosfera e fenômenos geológicos.
  • Geografia ambiental: Este ramo estuda as consequências das ações do homem sobre o meio ambiente. Por exemplo, as mudanças climáticas, o desmatamento, a poluição, entre outras.

Geografia humana

Basicamente, esse é o ramo do conhecimento geográfico que analisa a interação entre a sociedade e o espaço. Abrange aspectos políticos, socioeconômicos e culturais. É sub-dividida em algumas áreas:

  • Geografia urbana: Responsável pelo estudo dos espaços urbanos, de fenômenos como a urbanização, da dinâmica das cidades e dos problemas nos grandes centros urbanos. Além de analisar as relações do ser humano com esse espaço.
  • Demografia: Em síntese, essa área estuda a dinâmica populacional. Por meio de análises de índices demográficos, dados e estatísticas. Assim, entende as características da sociedade.
  • Geografia econômica: Esta área estuda as atividades econômicas do mundo todo. Analisando os setores da economia, as atividades industriais, comerciais e agropecuárias.

Geografia regional

Como a própria nomenclatura já diz, a geografia regional é responsável por estudar as regiões do planeta terra de forma descritiva. A partir de características particulares de cada local. A fim de entender as características e particularidades de cada uma delas.

Importância do conhecimento geográfico

O que é geografia - conceitos, áreas de estudo e importância
Triviados

Inegavelmente, é essencial entender as relações desenvolvidas pelos humanos com o seu meio. Pois, é por meio dessas relações que entendemos a dinâmica do mundo. Além de também entender os processos históricos que interferem na sociedade e a influência das características geográficas em uma determinada cultura. E o conhecimento geográfico permite essa análise da nossa relação com o meio e com os recursos naturais. Além de distinguir as diferenças culturais, econômicas e políticas entre as sociedades.

Não podemos esquecer, que é por meio do conhecimento geográfico que entendemos os fenômenos que ocorrem no planeta, assim como as suas implicações. Dessa forma, permite que possamos analisar e compreende como impactamos o meio, seja positivamente ou negativamente.

Por fim, leia também nossa matéria sobre o Planeta Terra – Camadas, medidas, movimentos e curiosidades

Fonte: Brasil escola, Mundo educação Brasil escola.

Fonte imagens: Catho, Sumaré qualifica, Muraki, Unifap, Stoodi, Mundo geográfico, Triviados

Escolhidas para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.