Processos de formação de palavras: quais são eles?

Os processos de formação de palavras resultam na criação de novas palavras. Saiba como funciona a criação de novas palavras

Os processos de formação de palavras resultam na criação de novas palavras. Sendo que as palavras surgem por meio de dois processos principais, a derivação e a composição.

Além disso, as palavras podem surgir por meio da abreviação, hibridismo, combinação e etc. Um detalhe importante é que esse processo de criação de novas palavras é normal, já que a língua é viva.

Além disso, a linguística é multicultural, o que significa que podem surgir vocábulos oriundos de outros idiomas. É comum ainda, que cada região do Brasil use palavras diferentes para nomear certos objetos.

Processos de formação de palavras por derivação

A derivação é um dos processos de formação de palavras. Em resumo, a derivação ocorre quando uma palavra surge de outra já existente.

Ou seja, para criar uma nova palavra, junta-se os afixos (prefixos ou sufixos) da palavra que já existe. Por exemplo, com base na palavra “terra”, foram criadas palavras como: terraço, terraplenagem, aterrar e etc.

1- Palavras primitivas e derivadas

As palavras primitivas são as palavras pequenas e que não dependem de outras para existir como, por exemplo, flor, dia e casa.

Por outro lado, as palavras derivadas são aquelas que derivam de uma palavra original. Portanto, elas não são palavras independentes, já que precisam de outra palavra para existir.

Um exemplo de palavra derivada é “casarão”, pois deriva da palavra “casa”. Outro exemplo é a palavra “florido” que deriva de “flor” e ainda “acinzentado” que deriva da palavra “cinza”.

2- Derivação prefixal

Na derivação prefixal, as palavras são criadas pelo acréscimo de prefixos. Em resumo, os prefixos são elementos que vem antes do radical, por exemplo: anti-, des-, -in, -re, sub-.

Alguns exemplos de derivação prefixal são:

  • incapaz (in + capaz)

  • subgerente (sub + gerente)

  • ressalvar (re + salvar)

  • desleal (des + leal)

3- Processos de formação de palavras: derivação sufixal

Na derivação sufixal, as palavras são criadas por meio do acréscimo de sufixos. Sendo que os sufixos são elementos que vem depois do radical, por exemplo: -agem, -ada, -ar, – ista, – mente.

Exemplos de derivação sufixal são:

  • entrevistar (entrev + ista)

  • simplesmente (simples + mente)

  • folhagem ( folh + agem)

  • dentista (dent + ista)

4- Derivação parassintética

Em resumo, na derivação parassintética (parassíntese), as palavras são formadas pelo acréscimo de prefixos (exemplos a-, en- es-) e de sufixos (exemplos: -ecer, -ar, -oar) no mesmo processo.

Sendo assim, para que ocorra a parassíntese, é preciso que seja acrescentado um prefixo e um sufixo na palavra. Por exemplo:

  • esquentar (es + quent + ar)

  • empobrecer (em + pobr + ecer)

  • amanhecer (a + manh + ecer)

  • entardecer (en + tar + ecer)

5- Processos de formação de palavras: derivação imprópria

Na derivação imprópria, as palavras são criadas sem nenhum acréscimo. Desse modo, muda-se apenas a sua classe gramatical. Por exemplo, um advérbio que passa a ser um substantivo. Enfim, exemplos disso são:

  • Sinto falta do azul do mar. (“Azul” é um adjetivo que, neste caso, tem valor de substantivo.)

  • Já trato do jantar! (“Jantar” é um verbo que, neste caso, tem valor de substantivo.)

  • Que andar esquisito… (“Andar” é um verbo que, neste caso, tem valor de substantivo.)

  • Sou zero em matemática. (“Zero” é um numeral que, neste caso, tem valor de substantivo.)

6- Derivação regressiva

Por fim, na derivação regressiva, as palavras são criadas por meio da redução de uma palavra primitiva, dando origem a uma palavra derivada. Por exemplo:

  • agito (surge do verbo “agitar”, que é a palavra primitiva)

  • trabalho (surge do verbo “trabalhar”, que é a palavra primitiva)

  • mergulho (surge do verbo “mergulhar”, que é a palavra primitiva)

  • debate (surge do verbo “debater”, que é a palavra primitiva)

Processos de formação de palavras por composição

No processo de composição, as palavras são criadas por meio da junção de radicais. Exemplos disso é a palavra guarda-sol, formada por dois radicais: guard + sol.

Lembrando que radical é a parte da palavra que contém o seu significado, sendo assim, ela é a parte mais importante.

Enfim, o processo de formação de palavras por composição pode ocorrer por justaposição ou aglutinação:

1- Composição por justaposição

Na justaposição, as palavras são criadas por meio da união de dois ou mais radicais. Isso sem apresentar alterações nos seus sons, isto é, sem alterações fonéticas. Por exemplo:

  • pé-de-meia (pé + de + meia)

  • pontapé (ponta + pé)

  • passatempo (passa + tempo)

  • cachorro-quente (cachorro + quente)

2- Composição por aglutinação

Por outro lado, na aglutinação, as palavras são criadas pela união de dois ou mais radicais, mas sofrem alterações. Por exemplo:

  • planalto (plano + alto)

  • fidalgo (filho + de + algo)

  • aguardente (água + ardente)

  • embora (em + boa + hora)

Exercícios sobre processos de formação de palavras

Teste seus conhecimentos com os exercícios abaixo:

Unifor (2003)

A série em que todas as palavras têm o mesmo radical é

a) idoso – idôneo – ídolo
b) doméstico – domicílio – domesticar
c) popular – pluvioso – público
d) senil – semelhante – senhor

UFSC

Aponte a alternativa cujas palavras são respectivamente formadas por justaposição, aglutinação e parassíntese:

a) varapau – girassol – enfaixar

b) pontapé – anoitecer – ajoelhar

c) maldizer – petróleo – embora

d) vaivém – pontiagudo – enfurece

e) penugem – plenilúnio – despedaça

Faap (1996)

IMÓVEL (in + móvel), processo de formação de palavra a que chamamos:

a) composição por aglutinação.
b) composição por justaposição.
c) derivação prefixal.
d) derivação sufixal.
e) parassintetismo.

UFU

Em qual dos itens abaixo está presente um caso de derivação parassintética:

a) operaçãozinha

b) conversinha

c) principalmente

d) assustadora

e) obrigadinho

Gabarito sobre processos de formação de palavras

Unifor (2003): o certo é a opção b).

UFSC: O certo é a alternativa d).

Faap (1996): o correto é a alternativa c).

UF-Uberlândia: o correto é a opção d).

LEIA MAIS

Palavras oxítonas: o que são e 345 exemplos para fixar

Coesão textual, o que é? palavras de transição e tipos

Estrutura das palavras – O que é, como são formadas e exemplos

Classes de palavras – Definição e tipos de palavras

O que é a regência verbal?

Tipos textuais: veja quais são e suas características

Fontes; Stoodi; Toda matéria e; por fim; Brasil escola.

Bibliografia

  • Fernandes, Márcia. Exercícios sobre formação de palavras. Toda matéria. Acesso em 19 de dezembro de 2022.
  • Exercícios sobre formação de palavras. Mundo educação. Acesso em 19 de dezembro de 2022.

Escolhidas para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.