Biologia

Tipos de sangue, quais são? Quem doa para quem e requisitos de doação

Saber os tipos de sangue pode salvar a sua vida em momentos de emergência, isto porque a transfusão correta evita a morte de um paciente.

Continue lendo após a publicidade

Você sabe quais são os tipos de sangue existentes? De fato, é importante entender as classificações sanguíneas, quem pode doar para quem e os requisitos de doação. Por isso, preparamos um artigo informativo para que você não tenha mais dúvidas sobre o assunto.

Além disso, as pessoas possuem tipos de sangue diferentes, isto porque depende da genética herdada dos pais. Ao passo que, os grupos sanguíneos foram apresentados pelo cientista austríaco Karl Landsteiner, no início do século XX. A descoberta evitou mais mortes de pessoas que recebiam transfusões de sangue incompatíveis.

Por isso, Landsteiner ganhou o Prêmio Nobel de Medicina em 1930. A partir de então, o sangue foi classificado em quatros tipos e variações, conforme o sistema ABO. Ademais, vamos conhecer um pouco mais sobre essas diferenças, compatibilidade e formas de realizar a doação.

Tipos de sangue

Antes de tudo, o sangue tipo O pode ser doado para qualquer pessoa, mas a pessoa com esse tipo sanguíneo só recebe doação do mesmo sangue. Outro caso, é o sangue AB, que recebe doação de qualquer pessoa, mas só pode doar para pessoas dos mesmos tipos de sangue.

Continue lendo após a publicidade
Tipos de sangue
Minuto Saudável

A saber, os tipos de sangue são separados de acordo com o fator Rh, denominados em positivo ou negativo. O fator Rh é um antígeno encontrado nas hemácias, este que define o processo de transfusão, evitando complicações de incompatibilidade sanguínea.

Tipos de sangue:

  • Sangue A: é considerado um dos tipos de sangue mais comuns. No entanto, possui anticorpos contra o tipo B, conhecido como “anti-B”. Isto é, recebem doação apenas de pessoas com sangue A ou O;
  • Sangue B: Conhecido por tipo raro, esse sangue possui anticorpos contra o tipo A, recebendo doação apenas de pessoas do tipo B ou O;
  • Sangue AB: Também é um dos tipos de sangue mais raros. No entanto, não apresenta anticorpos de nenhum tipo, podendo receber doação de qualquer sangue;
  • Sangue O: Este é um doador universal, sendo um dos tipos de sangue mais comuns. Por outro lado, só podem receber sangue de pessoas do tipo O.

Por isso, as pessoas que possuem o fator Rh são definidas de Rh+, essas podem receber sangue de pessoas tanto Rh+ quanto Rh-, mas só podem doar para pessoas do mesmo tipo de sangue, ou seja, com Rh+.

Assim, quem não possui fator Rh, é definido como Rh-, estes podem doar sangue para pessoas que possuem ou não o fator Rh, mas só recebem de pessoas com Rh-.

Ainda existem os tipos de sangue raros, como o Rh nulo, mais conhecido como sangue dourado. Isto porque não possuem antígeno nos glóbulos vermelhos, sendo praticamente impossível conseguir um doador compatível.

Continue lendo após a publicidade

De modo geral, os bebês são submetidos ao teste do pezinho quando nascem. Além disso, a mãe pode fazer exames durante a gravidez para prevenir qualquer problema de incompatibilidade com o tipo de sangue do bebê.

Nesse sentido, quando a gestante é Rh negativo e o bebê positivo, o organismo da mulher pode gerar anticorpos para abortar o bebê.

Requisitos de doação de sangue

Para doar sangue, é necessário ter entre 18 a 65 anos. No entanto, pessoas a partir de 16 anos podem doar com autorização dos pais ou responsáveis, caso se enquadrem nos demais requisitos de doação.

Tipos de sangue
Drauzio Varella

Se tiver feito tatuagem recentemente, deve aguardar entre 6 meses a 1 ano para confirmar que o doador continua saudável.

Continue lendo após a publicidade

Lembrando que os homens podem doar a cada 60 dias e as mulheres a cada 90 dias. Isto porque, as mulheres perdem sangue na menstruação, necessitando de mais tempo para reposição do sangue.

Sendo assim, os requisitos para doar sangue são:

  • Possuir peso maior que 50kg;
  • Nunca ter usado drogas ilícitas injetáveis;
  • Esperar um ano após a cura de qualquer DST;

Não é permitido doar sangue em jejum. Por isso, consuma refeições leves antes da doação, beba bastante água e evite alimentos gordurosos. Para realizar a doação, se dirija a um posto de coleta de sangue da sua cidade.

Ao chegar no local, um especialista vai analisar se o doador está dentro dos requisitos exigidos. Após essa triagem e a confirmação de aptidão, o doador pode realizar a retirada de sangue e identificar qual o tipo de sangue.

Continue lendo após a publicidade

Este período de coleta dura cerca de 30 minutos, após isto, o doador receberá um lanche para repor as energias. Depois de alguns minutos, o doador será liberado para ir embora. É recomendado que não dirija após a doação e não realize exercícios físicos no dia.

Por fim, o que achou dessa matéria? Se gostou, confira também: Medula óssea, o que é? Função, transplante e requisitos para doação

Fontes: Medprev, Amais Saúde e Tua Saúde

Imagens: Minuto Saudável, Drauzio Varella e Femme Actuelle

Continue lendo após a publicidade
Próxima página »

Comentários

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments