Camadas da atmosfera: resumo, quais são, características

As camadas da atmosfera são as divisões da atmosfera terrestre de acordo com certas características. Sendo que a divisão mais comum é a que tem como base a temperatura de acordo com a altitude.

As camadas da atmosfera são as divisões da atmosfera terrestre de acordo com certas características. Sendo assim, existem algumas formas de fazer essa classificação.

Por exemplo, é possível dividir as camadas com base na composição do ar, por exemplo.

No entanto, a divisão mais comum é a que tem como base a temperatura de acordo com a altitude. Em resumo, neste tipo de classificação, a atmosfera é dividida em cinco camadas:

  • Troposfera;

  • Estratosfera;

  • Mesosfera;

  • Termosfera;

  • Exosfera.

Um detalhe importante é que essa divisão não tem limites estabelecidos entre as camadas. Isso porque, a atmosfera é um meio fluído constituído por vários gases.

Portanto, elas não se dividem de forma igualitária, na verdade, a distância varia de acordo com a densidade dos elementos químicos que as compõem.

Sendo que, quanto mais se afastam da superfície da Terra, mais rarefeitas elas se tornam. Enfim, juntas as camadas da atmosfera compõem uma extensão de aproximadamente 1000 km.

Resumo sobre as camadas da atmosfera

  • Troposfera é a camada que fica mais perto da crosta terrestre. Sendo que nessa camada tem o ar usado na respiração de animais e plantas.

  • Estratosfera é a segunda camada mais próxima da Terra. Nessa camada está o gás de ozônio, que funciona como uma barreira de proteção contra os raios ultravioleta

  • Mesosfera é uma camada muito fria, com temperaturas que oscilam na casa dos -100ºC

  • Termosfera é a camada atmosférica mais extensa. Para você ter uma ideia, ela pode alcançar os 500 km de altura.

  • Por fim, a exosfera é a camada mais longe da Terra e alcança os 800 km de altura. Ela é composta principalmente por gás hélio e hidrogênio.

Quais são as camadas da atmosfera?

As camadas da atmosfera são:

Camada da atmosfera - Definição, divisões, características e curiosidades

1- Troposfera

Primeiramente, a troposfera é a camada mais próxima da superfície terrestre. Ou seja, é a primeira camada da atmosfera. Portanto, é a divisão que apresenta a maior parte da massa atmosférica, cerca de 80%.

Além disso, é nesta camada que o oxigênio está presente e, assim, os seres vivos conseguem respirar. Sendo assim, por ser a camada mais próxima da superfície terrestre a temperatura é amena.

Entretanto, quando a altitude aumenta, a temperatura diminui. A troposfera está à 17 quilômetros da superfície da Terra em regiões trópicas e pouco mais de 7 km nas regiões polares.

Além disso, os fenômenos meteorológicos ocorrem nessa divisão atmosférica devido a grande concentração de vapor d’água. Os voos de carga e de passageiros também circulam na troposfera.

Sendo que existe na troposfera uma grande variação de temperatura relacionada com diferentes altitudes que vai de 40 °C a -60 °C. A propósito, cada vez que a altitude aumenta a temperatura diminui.

2- Estratosfera

É a segunda camada da atmosfera. E, resumo, ela apresenta temperatura elevada de acordo com a altitude e uma espessura de 35 Km.

Por ser mais distante da superfície terrestre há pouca concentração de vapor d’água. Além disso, o ar se movimenta de forma horizontal.

Como essa camada tem baixa quantidade de oxigênio, a estratosfera não é propícia para a presença do homem.

Enfim, essa é uma camada muito importante, já que é nela que os raios ultravioletas são filtrados. Isso ocorre devido a presença da camada de ozônio.

Desse modo, a distância entre a estratosfera e a superfície da Terra é de 50 quilômetros. Dessa forma, aviões movidos a jato conseguem voar nessa camada da atmosfera.

3- Mesosfera

A mesosfera é considerada a camada mais fria da atmosfera, podendo atingir -90ºC. Isso porque, a temperatura se reduz devido ao fato da ausência de calor.

Em síntese, como não há uma grande quantidade de moléculas que se aquecem, a camada se torna mais fria. Por conta disso, o ar se torna escasso quando a altitude se eleva.

Além disso, é nesta divisão da superfície terrestre que os meteoritos são queimados. Isso ocorre devido à resistência do ar nessa faixa da superfície da Terra.

Desse modo, a mesosfera impede que meteoritos cheguem à troposfera, primeira camada terrestre. Sendo que na sua formação são predominantes alguns gases, ferro e outros metais.

A avaliação de fatores relacionados com a mesosfera é difícil, por isso ela é feita com o envio de foguetes sônicos que coletam alguns dados.

4- Termosfera

A termosfera, também chamada de ionosfera, apresenta o ar rarefeito com maior predominância do gás hidrogênio.

Em síntese, essa camada é chamada de ionosfera devido à grande quantidade de partículas de eletricidade, chamadas de ion. Por conta disso, a camada é propícia para a transmissão de ondas de rádio.

A temperatura na termosfera, diferente do que ocorre na mesosfera, se eleva muito. Sendo assim, a temperatura pode atingir 1500º C de acordo com o aumento da altitude.

Uma das funções desta camada é filtrar a radiação solar. Além disso, fenômenos como a aurora polar, aurora boreal e austral ocorrem nessa camada da atmosfera.

5- Exosfera

Por fim, temos a exosfera, que é a camada mais próxima do espaço sideral, estando à 600 quilômetros de distância da superfície terrestre.

Essa camada da atmosfera é composta por gás hélio e por hidrogênio. Sendo que ela apresenta o ar totalmente rarefeito e, por conta disso, o limite entre a exosfera e o espaço não é visível.

Dessa maneira, como na termosfera, a temperatura é elevada. Ou seja, pode superar os 1000º C.

Por conta disso, naves espaciais são construídas com material de extrema resistência, devido ao calor presente nessa camada. Além disso, é na exosfera que estão presentes os satélites.

Vale lembrar, que o aquecimento global está relacionado com a atmosfera também. Isso porque, este fenômeno é decorrente do aquecimento da atmosfera  e como consequência o aquecimento dos oceanos.

Contudo, as principais causas do aquecimento global estão relacionadas com a utilização de combustíveis fósseis e CFCs ( clorofluorcarbono) que intensificam o efeito estufa.

Sendo assim, toda essa alteração resulta na desoxigenação das águas, derretimento das calotas polares e prejuízo para o meio ambiente.

Qual é a composição da atmosfera terrestre?

A atmosfera terrestre é composta, essencialmente, por nitrogênio e oxigênio.

No entanto, a partir de cerca de 80 km, essa composição se torna mais variável com partículas suspensas, vapor de água e alguns gases em pequena quantidade.

Curiosidades sobre as camadas da atmosfera

Algumas curiosidades sobre as camadas da atmosfera que você pode gostar de conhecer são:

1- A última camada da atmosfera

A exosfera é a última camada da atmosfera. Desse modo, essa camada faz a transição entre a atmosfera terrestre e o espaço sideral.

2- Fenômenos meteorológicos

Os fenômenos meteorológicos como, por exemplo, granizos, tempestades e chuvas, ocorrem na troposfera.

3- Aviões de carga e de passageiros

Em resumo, é na troposfera que circulam os aviões de carga e de passageiros.

4- Satélites artificiais

É na camada da atmosfera denominada exosfera que os satélites artificiais orbitam.

5- Camada de ozônio

A camada de ozônio é muito importante, pois ela filtra os raios solares que são nocivos à saúde. Sendo que a camada de ozônio está localizada na estratosfera.

6- Aurora polar

A aurora polar, fenômeno caracterizado pelo conjunto de luzes brilhantes no céu, ocorre na termosfera.

7- Primeira camada da atmosfera terrestre

Em síntese, a troposfera é a primeira camada da atmosfera terrestre.

8- A camada mais fria da atmosfera terrestre

Por fim, a mesosfera é a camada mais fria da atmosfera terrestre.

Exercícios resolvidos sobre as camadas da atmosfera

Confira alguns exercícios que podem te ajudar a fixar o conhecimento sobre camadas da atmosfera:

ENEM

A adaptação dos integrantes da seleção brasileira de futebol à altitude de La Paz foi muito comentada em 1995, por ocasião de um torneio, como pode ser lido no seguinte texto:

“A seleção brasileira embarca hoje para La Paz, capital da Bolívia, situada a 3.700 metros de altitude, onde disputará o torneio Interamérica. A adaptação deverá ocorrer em um prazo de 10 dias, aproximadamente. O organismo humano, em atitudes elevadas, necessita desse tempo para se adaptar, evitando-se, assim, risco de um colapso circulatório”. (Fonte: Placar, edição fev.1995.)

A adaptação da equipe foi necessária principalmente porque a atmosfera de La Paz, quando comparada à das cidades brasileiras, apresenta:

a) menor pressão e menor concentração de oxigênio.

b) maior pressão e maior quantidade de oxigênio.

c) maior pressão e maior concentração de gás carbônico

d) menor pressão e maior temperatura.

UNIFEI

A maior parte dos fenômenos meteorológicos, como chuvas, ventos e deslocamentos de massas de ar, ocorre na:

a) Estratosfera

b) Troposfera

c) Mesosfera

d) Termosfera

e) Exosfera

IFMT 2016

A Circulação geral da atmosfera é um fenômeno dinâmico que ocorre na troposfera influenciado pelas diferenças de temperaturas, pressão e também pela rotação da Terra, sendo assim pode-se afirmar que

a) na área de alta pressão dos pólos, os ventos se dirigem até as zonas de baixa pressão na latitude 60º, desviando-se para o Oeste.

b) o ar ascendente do equador forma os ventos alísios, que se resfriam ao subirem, provocando queda de temperatura na região.

c) a zona de convergência intertropical (ZCIT) é onde ocorrem as maiores precipitações da Terra.

d) em razão do movimento de rotação, no hemisfério Sul, os ventos sofrem um desvio do Nordeste para o Sudeste e, no hemisfério Norte, do Sudeste para o Nordeste, fenômeno conhecido como efeito Coriolls.

e) a região próxima à linha do equador é de baixa pressão, para ela convergem as massas de ar tropical independente das estações do ano e do relevo.

Gabarito

ENEM – O certo é a opção A – menor pressão e menor concentração de oxigênio.

UNIFEI – O correto é a alternativa B, já que a camada mais próxima da superfície terrestre é a troposfera.

IFMT – O certo é a letra C – zona de convergência intertropical (ZCIT) é onde ocorrem as maiores precipitações da Terra.

LEIA MAIS

Origem da atmosfera – Como surgiu, características e importância

Massas de ar: o que são, tipos, como influenciam o clima

Fatores Climáticos: quais são os fatores climáticos?

Elementos do clima: quais são os 4 elementos do clima?

Entenda diferença entre clima e tempo

O que é amplitude térmica: cálculos e ação no Brasil

Tempestade Solar, o que é? Consequências físicas e biológicas

Fontes: Super Abril, Mundo Educação, Brasil Escola, Toda matéria, Beduka e, por fim, Só Geografia.

Bibliografia

  • Sousa, Rafaela. Camadas da atmosfera. Brasil escola. Acesso em 10 de novembro de 2022.
  • Os 10 melhores exercícios sobre atmosfera. Beduka. Acesso em 10 de novembro de 2022.

Escolhidas para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.