Principal » História » Carta de alforria, o que foi? Definição, características e escravidão

Carta de alforria, o que foi? Definição, características e escravidão

A carta de alforria era um documento assinado por senhores de engenho que podia ser concedido de forma paga ou gratuita aos escravos.

Carta de alforria, o que foi? Definição, características e escravidão

Para falar de carta de alforria é necessário relembrar o por quê do Brasil, e de outros países, terem adotado esse documento. Bom, a carta de alforria era um documento assinado por senhores de engenhos que concediam liberdade aos escravos. Assim, podia ser concedida de duas formas, sendo paga ou gratuita.

Dessa maneira, os escravos que almejavam a liberdade deveriam pagar pela liberdade ou, em alguns casos, a carta era concedida de maneira gratuita pelos senhores. Neste último caso, os ex-escravos eram admitidos pelos ex-senhores para que pudessem trabalhar como homens livres e receber salário.

Para que a carta fosse dada ou paga à um escravo, essa deveria ser assinada em comum acordo entre o senhor ou a senhora que detinham a posse do escravo. Assim, todos os direitos eram concedidos para que os escravos se tornassem livres.

Carta de alforria

O nome alforria é uma expressão árabe que significada “a liberdade”. Assim, era um documento que concedia a liberdade aos escravos. Dessa forma, para que um escravo conseguisse uma carta de alforria era preciso que ele trabalhasse muito para juntar dinheiro. Nesse sentido, podiam conseguir as cartas que eram pagas.

Carta de alforria, o que foi? Definição, características e escravidão
Exemplo de carta de alforria. Fonte: Pousada Morais

Por esta razão, alguns escravos pediam dinheiro emprestado para que pudessem pagar a carta de forma parcelada. Além disso, era comum que pegassem empréstimos em bancos. Entretanto, caso a dívida não fosse paga, os homens livres perdiam todos os direitos de liberdade. Assim, eram obrigados a voltar à trabalhar como escravos.

Por outro lado, existiam as cartas que eram concedidas de forma gratuita. Neste caso, os senhores de engenho davam as cartas para que os escravos se tornassem livres e, assim, voltassem para trabalhar de forma assalariada.

Escravidão no Brasil

A escravidão no Brasil é datada de 1530 quando o trabalho utilizando negros vindos da África começou. Assim, os colonizadores portugueses achavam que a única solução para acabar com a falta de mão de obra no país era escravizando as pessoas negras do continente africano.

Carta de alforria, o que foi? Definição, características e escravidão
Carta de liberdade da parda Maria. Fonte: Galeria Leme

Assim, eram homens livres trazidos para trabalhar em engenhos de açúcar, na mineração e nos engenhos de café. Assim, eram literalmente tratados como mercadorias sendo vendidos de acordo com suas características físicas. Sendo assim, os proprietários de terras avaliavam a questão dos dentes, dos canelas finas, do quadril e etc.

A escravidão foi um ato que assolou praticamente todos os países do mundo. Entretanto, apenas o Brasil demorou extinguir os atos de crueldade contra os negros. Foi apenas no final do século XX, em 1888, com a assinatura da Lei Áurea que a escravidão teve fim.

Todavia, por conta dos movimentos abolicionistas, a carta de alforria veio como forma de abrandar as ações de escravidão que ocorriam no Brasil. Assim, na teoria, era uma forma de tentar buscar a liberdade. Com a promulgação da Lei Áurea, os negros foram finalmente libertos.

Carta de alforria, o que foi? Definição, características e escravidão
Documento original da lei que libertou os escravos em 1888, Lei Áurea. Fonte: Biblioteca Digital Luso-Brasileira

Entretanto, após a abolição da escravidão, os negros continuavam a enfrentar diversos problemas. Isso porque, o racismo impedia que os ex-escravos arrumassem emprego ou, até mesmo, casas para morar.

O que achou da matéria? Se gosta de história, não deixe de conferir o que foi o Tratado de Kadesh e o que são Regimes Totalitários.

Fontes: Info Escola, Pepsic e Estudo Prático

Fonte imagem destaque: Info Art SP

 

Escolhidas para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.