Conheça o singular fenômeno da bioluminescência em cupins

Você sabe o que é bioluminescência? Saiba como o raro fenômeno acontece. No Brasil terrestre, ele só é visto no Parque Nacional das Emas.

Por Editor

Continue lendo após a publicidade

Você sabe o que é bioluminescência? O fenômeno em si já é bastante raro, mas a união da luz de vagalumes com os cupins deixou a paisagem do Cerrado brasileiro única e surpreendentemente bela.

bioluminescência é quase exclusiva dos ambientes marinhos, mas também pode acontecer com fungos, moluscos e principalmente em insetos, como os vagalumes em ambientes terrestres – que é o que tem acontecido no Cerrado brasileiro.

No Parque Nacional das Emas, a bioluminescência está ocorrendo por conta de uma espécie de vagalumes que deposita ovos em buracos de cupinsNo caso citado, para emitir luz, não é necessário que o vagalume seja adulto, pois ainda em estado de larvas eles já emitem luz e brilham com diversos objetivos, entre eles: atrair insetos voadores de regiões próximas.

O que, de fato, é bioluminescência?

bioluminescência-940x500
Exemplo de bioluminescência em ambiente aquático. Foto: Divulgação

A bioluminescência é o fenômeno da emissão de luz por organismos vivos, acontecendo principalmente no meio aquático, como bactérias, fungos, algas, moluscos e peixes. A bioluminescência, portanto, se torna mais visível quando ocorre no período noturno ou em ambientes escuros.

Continue lendo após a publicidade

Onde posso encontrar o fenômeno da bioluminescência no Brasil?

1a7ad19421fe490e546a9a60b5fccc4d
O fenômeno da bioluminescência só ocorre no Brasil no Parque Nacional das Emas, em Goiás. Fotos: Alessandro Bearzi

No Brasil, o raro e único fenômeno de luz acontece no Parque Nacional das Emas, localizado entre os municípios de Serranópolis (GO), Mineiros (GO), Chapadão do Céu (GO) e Costa Rica (MS). Nesse parque é possível assistir o fenômeno da bioluminescência depois que os cupinzeiros ficam cheios de pontos de luz, possibilitando um cenário mágico e de encher os olhos.

Qual melhor época para visitar o Parque Nacional das Emas (Goiás) e assistir a bioluminescência?

2ffbfe5ab13601a14425ab0e425b544f

Parece óbvio mas cabe avisar: o fenômeno se torna melhor visível durante a noite. Quem pretende conhecer a bioluminescência brasileira deve se deslocar para o Parque Nacional das Emas (GO) principalmente nos meses de outubro e novembro (ou seja: agora!). Se quiser observar melhor o fenômeno brilhante, escolha uma fase em que a lua não esteja cheia, assim a baixa luminosidade do astro, possibilitará que os vagalumes do cerrado se destaquem na cena.

Os cupinzeiros também estão presentes em outras regiões do país. Mas, por questões ainda desconhecidas, o fenômeno da bioluminescência com vagalumes e cupins só acontece no Parque Nacional das Emas, em Goiás.

Continue lendo após a publicidade

Conheça outras fotos do raro fenômeno:

3bcf60e553c71619fd868c5f6ef9c1ac

ff01b038981301cc4ce908dc5980e582

Próxima página »

Comentários

4 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments

[…] essa pergunta é complexa. Os cientistas não conseguem explicar o motivo pelo qual o brilho do vagalume é intermitente. Apesar disso, eles já sabem de onde vem a luz, e o […]