História

Qual a diferença entre comunismo e socialismo?

As palavras “comunismo” e “socialismo” têm significados diferentes. Pela teoria de Marx, socialismo é uma fase para o comunismo.

Continue lendo após a publicidade

As palavras “comunismo” e “socialismo” têm significados diferentes. Pela teoria de Karl Marx, o socialismo seria uma fase para se chegar ao comunismo.

E o comunismo seria um sistema de organização da sociedade que substituiria o capitalismo. Haveria o desaparecimento das classes sociais e até do Estado.

Como seria o mundo idealizado pelo marxismo?

Numa realidade abstrata criada por Max, no socialismo a própria sociedade controlaria a produção e a distribuição dos bens. É o sistema de igualdade e cooperação. Esse processo levaria ao comunismo, onde os trabalhadores seriam os proprietários de seu trabalho e dos bens de produção.

Isso é bem diferente da União Soviética, que criou um Estado forte e autoritário, capaz de confiscar bens e impor leis rigorosas. Nem em sonho Marx idealizou uma nação imperialista, forte o bastante para subjugar povos e impor conceitos.

Continue lendo após a publicidade

Por isso há unanimidade na conclusão de que nunca houve um país comunista de fato. Mesmo em Estados como Cuba e China, que se inspiraram nas teorias marxista, há vestígios do comunismo puro. Tratam-se de Estados fortes, com partido único que exerce o poder em nome do povo. Karl Marx não pensou em nada disso.

A expressão socialismo é usada pejorativamente para atacar o comunismo

Foi tanta a deturpação dos conceitos de socialismo e comunismos, que essas duas expressões assumiram outros significados. Não é raro ouvir que o socialismo quer dizer correntes de pensamento que se opõem ao comunismo por defenderem a democracia. E esse mesmo comunismo serviria de modelo para a construção de regimes autoritários.

Agora imagina se  Karl Marx fosse vivo para ouvir uma barbárie dessas, construída sobre os conceitos que ele criou?

Continue lendo após a publicidade

Comunismo e socialismo só existem mesmo no campo das idealizações

Uma sociedade igualitária, onde cada trabalhador fosse proprietário de tudo aquilo que produziu, não existe no mundo real. É fruto da idealização de uma teoria que talvez desse certo numa sociedade mais evoluída.

Fato é que Lenin (Vladimir Ilyich Ulyanov) foi quem usou as teorias de Marx para conceber a Revolução Comunista. Daí houve a criação da União Soviética, estado unipartidário governado pelo Partido Comunista e dominado pela mão de ferro de Josep Stalin.

Você gostou de saber a diferença entre comunismo e socialismo? Então certamente que vai querer saber mais da Segunda Guerra Mundial, conflito que tornou a União Soviética uma potência nuclear capaz de tirar o sono do mundo.

Continue lendo após a publicidade
Próxima página »

Comentários

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments

[…] a Teoria Marxista, os primeiros são os burgueses, enquanto que os segundos são o proletariado. Se for no campo, […]

[…] os alemães Karl Marx e Friedrich Engels que definiram as Classes Sociais dentro de um contexto moderno. De acordo com […]

[…] que achou da matéria? Se gosta de história, então não perde tempo e confere esses textos sobre Qual a diferença entre comunismo e socialismo?, além de O que é anarquismo? Conheça a filosofia e o símbolo por trás dessa […]

[…] derrota na Primeira Guerra Mundial, as crises que se alastravam e a política estava colapso com o comunismo soviético. Sendo assim, o nazismo e os ideais extremamente autoritários viam o espaço perfeito […]

[…] estudando. Nesse sentido, se baseou em autores como Karl Marx e Friedrich Engels para compor suas teorias comunistas. Em seguida, deseja implantar o comunismo no Brasil como forma de livrar o país do desastre […]

[…] Câmara dos Comuns como deputado do Partido Conservador. Entretanto, após quatro anos abandou os comunistas para se unir aos liberais, em 1904. Nos anos seguintes, Winston Churchil lutou para que fosse […]

[…] dentro da religião é fortemente influenciada pela política. Hoje em dia, é possível ver o comunismo como a ideologia seguida por […]

[…] Em síntese, o socialismo científico acredita que o capitalismo pode ser destruído pela classe operária. Ou seja, a revolução seria a maneira pela qual Marx acreditava que a exploração do homem pelo homem chegaria ao fim. Nesse sentido, a classe operária seria a única capaz de acabar com as divisões sociais, chegando assim à igualdade. Além disso, a revolução seria o primeiro passo da transição do socialismo para o comunismo. […]

[…] Você gostou de saber a história do comunismo? Sem dúvida certamente vai querer saber mais de Qual a diferença entre comunismo e socialismo? […]

[…] Os conceitos da luta de classses e da revolução proletária são bem mais diretos. Falam da luta entre a classe dominada – proletariado – e a classe exploradora – burguesia. Por fim, o proletariado deve lutar pela sua ascensão até conseguir ocupar o lugar da burguesia. Entenda também qual a diferença entre comunismo e socialismo. […]

[…] mundo e é o país mais populoso do globo terrestre. Além disso, apresenta como regime político o comunismo e possui leis bastante específicas, como a lei do filho […]

[…] As teorias do economista britânico John Maynard Keynes combinaram os interesses sociais da corrente com os problemas econômicos do capitalismo. Nesse sentido, foi desenvolvido o conceito do Estado de Bem-Estar Social. Entenda também a diferença entre comunismo e socialismo. […]